E se não existisse o Hakuna Matata?

Como toda pessoa que viveu sua infância (ou pelo menos uma boa parte dela) nos anos 90, eu cresci assistindo filmes da Disney, como Tarzan, A Bela e a Fera, Aladdin, Hércules e o mais clássico de todos, O Rei Leão. E uma das coisas mais marcantes nesse clássico dos anos 90 é a famosa música Hakuna Matata, em que o Timão e o Pumba mostram para o Simba uma filosofia de vida que diz que devemos esquecer os problemas e aproveitar a vida. Mas, e se não existisse o Hakuna Matata?

Como já mencionei anteriormente aqui no blog, eu curto muito a trilha sonora do Rei Leão, e tenho até dois CDs. O da trilha sonora original do filme (ou o da capinha azul, como eu chama quando era mais nova), que contém as músicas que são cantadas durante o filme, como a própria Hakuna Matata e Circle of Life (a versão que eu tenho é em inglês). E o Rhythm of the Pride Lands (ou o da capinha vermelha), que tem músicas relacionadas com o filme, mas que não estão presentes nele.

Ignorem o Tarzan ali atrás encarando vocês

E uma das músicas que eu mais gosto nesse segundo CD (se não a que eu mais gosto) é Warthog Rhapsody. E como toda pessoa de bem que curti muito uma música, eu fui procurar vídeos dela no youtube e me deparei com esse vídeo:

A parte que interessa desse post vai de 4min e 05seg a 8min e 25seg.

Resumindo, pra quem não teve paciência de assistir o vídeo, ou que não entende inglês (também não sou expert, mas da pra enrolar), o que o produtor Dan Hahn fala no vídeo é que Warthog Rhapsody é um ancestral de Hakuna Matata. A equipe de produção veio com a ideia de fazer uma música sobre o estilo de vida fácil e relaxado do javali (warthog em inglês), e que o javali “tem tudo resolvido” (uma tradução livre de “got it all worked out”), e ele termina dizendo que o storyboard que vai passar a seguir é o que seria a primeira versão de Hakuna Matata.

Dá pra ver pelo storyboard que, mesmo as músicas tendo letras diferentes, elas seguem o mesmo caminho de mostrar para o Simba como ele deve aproveitar a vida, do modo que eles, Timão e Pumba, aproveitam, e uma das partes em que notamos essa semelhança é quando eles fazem o simba comer insetos.

Porém mesmo elas seguindo o mesmo caminho, eu acredito que eles optaram por Hakuna Matata ao invés de Warthog Rhapsody, porque é algo mais fácil de se pegar. Um dos exemplos disso é que o lema “Hakuna Matata” é algo não precisa ser traduzido para cada língua diferente, todos entendem o que significa (porque é explicado no filme), enquanto o lema “Got it all worked out” teria que ser traduzido para cada língua diferente para ser compreendido, não seria algo tão universal (espero não estar exagerando) como Hakuna Matata é.

Mesmo assim, ainda acho que Warthog Rhapsody se encaixaria muito bem no filme, poderia não pegar tão bem quando Hakuna Matata, que é ainda é lembrado por muitos, mas não seria nada mal. E não sei se mais alguém que assistiu o Rei Leão 3 percebeu uma pequena semelhança em uma parte da melodia da música “That’s All I Need” (não achei o nome em português, mas é música que o Timão canta quando fica de sentinela) com o refrão de Warthog Rhapsody.

Pra finalizar, vou deixar aqui mais um vídeo, só que dessa vez é apenas do storyboard da cena de Warthog Rhapsody (para quem não assistiu o vídeo de cima), e eu tenho tudo resolvido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s