Minha experiência com o ENEM

Nesse fim de semana (dia 22 e 23) teve o Exame Nacional do Ensino Médio, mais conhecido como ENEM. Eu resolvi fazer esse ano como treineiro (já que sou do segundo ano) para ganhar experiência e ficar mais preparada para o ano que vem, em que ele poderá me ajudara entrar na universidades. E nesse post eu contarei como foi minha experiência como treineiro no ENEM.
Tudo começou logo nas primeiras semanas de aula, quando alguém da minha sala falou para fazermos nesse ano só para treinar. Eu e meus amigos até fizemos um grupo de estudos, mas depois de um tempo desistimos (bando de preguiçosos), ou seja, eu não fui muito preparada fazer o ENEM, mas não me importei muito, afinal, estava como treineiro.


No primeiro dia de prova, sábado, foram os cadernos de Ciências Humanas e Ciências da Natureza. A parte de Ciências Humanas me confundiu um pouco porque as respostas eram todas parecidas, mas não tive muita dificuldade de fazer, tudo bem que chutei umas, mas não tive tanta dificuldade. A parte de Ciências da Natureza também não foi tão difícil, tirando Química, porque caiu Química Orgânica, e eu ainda não vi essa matéria.

Eu não fiquei esperando para levar o caderno comigo, tudo que eu queria era ir embora para casa para descansar depois de ler tanto.

No segundo dia, o domingo (lógico, dã!), eu acordei com um pouco de dor no pescoço, por causa do sábado, mas até a hora da prova já tinha parado de doer. Nesse dia o que mais estava me preocupando era a redação. Fiz as questões de Linguagens e Códigos o mais rápido possível (o que não era tão rápido pois tinha muitos textos grandes nas questões) e fui tentar fazer as de Matemática.

Depois que eu fiz todas as que eu consegui de Matemática (que até foram muitas) fui fazer a redação. Os textos que estavam lá para me ajudar não ajudaram em nada, não tenho certeza se falei sobre o que pedia e nem se fiz um texto argumentativo. Mas tudo bem, era só para conhecer, então acho que não tem tanto problema. E eu acho que fui melhor no segundo dia do que no primeiro.

Novamente eu não levei o caderno, mas em compensação eu levei uma enorme dor de pescoço que ficou comigo até a hora em que eu fui dormir.

Resumindo, acho que para quem não não tem a matéria do terceiro ano e não estudou nada eu estou na média.

Fazer o ENEM essa ano foi uma experiência legal (tirando a dor no pescoço) e eu estou muito menos nervosa para fazer o ENEM no ano que vem, agora que eu sei que ele não é tão difícil quanto eu pensava. Ele é bem parecido com um simulado que eu fiz nesse ano e que fui bem (mas que foi cancelado). Agora é esperar Janeiro chegar para saber como eu realmente me sai.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s